CONTRATO DE LOCAÇÃO ANIMAL DE CARGA

BOYER Fabien –criador d’equins- SIRET n° 513 522 847 00013

Hameau de la Coumes 66320 BAILLESTAVY – 06 02 29 34 54

caravanigou@laposte.net

 Locação de …………………………………………………………………………………………………

equipado(s) de um cargueiro, tapete, cabresto, coleira coalheira, corda e de ……………………………………………

Para o responsável (do grupo, da família)

Sobrenome: ……………………………………………………..Nome: ………………………………………

(Telefone celular acessível durante a excursão: …………………………………………………………….)

Por um passeio/excursão de ………………………………………………………………………………

Data / Hora de partida………………………Data/ Hora de chegada…………………………………….

Total à pagar: …………………€

Eu abaixo assinado …………………………………………………. asseguro ter tomado conhecimento do presente contrato e de seus anexos Seguro, Segurança, É bom saber.

 

 

Data/ Assinatura

 

 

 

ANEXOS DO CONTRATO DE LOCAÇÃO

 

SEGURO

 

O seguro de responsabilidade civil de exploração não é comprometido somente em caso de falta indesculpável de minha parte, danos corporais, materiais e imateriais consecutivos.

 

Todas as pessoas acompanhantes dos excursionistas com os animais não são levados em conta pelo meu seguro, nem crianças susceptíveis de montar os animais. Portar uma criança é sob inteira responsabilidade dos adultos acompanhantes; essa não é uma atividade de equitação mas de transporte.

 

Por conseguinte, solicita-se aos excursionistas contratar um seguro pessoal, acidentes e responsabilidade civil geral.

Art.1384 du code civil: «On est responsable non seulement du dommage que l’on cause par son propre fait, mais encore de celui qui est causé par le fait des personnes dont on doit répondre, ou des choses que l’on a sous sa garde.»

Art.1385 du code civil: «

Le propriétaire d’un animal, ou celui qui s’en sert pendant qu’il est à son usage, est responsable du dommage que l’animal a causé, soit que l’animal fût sous sa garde, soit qu’il fût égaré ou échappé.»

 

SECURANÇA

 

1) O animal deve ser mantido em corda por um adulto.

 

2) Nunca enrole a corda em volta da mão, mas mantenha-a dobrada sobre si mesma com um nó na extremidade para que possa servir de travo.

 

3) Ande na frente so seu amimal, ou à altura da cabeça dele, ele não deve te ultrapassar.

 

4) Para uma traversia de vau, ou uma passagem diffícil, mantenha o animal pela extremidade da corda ao nível do nó e coloque-se distante à frente dele (ele pode decidir saltar)

 

5) Se você montar uma criança sobre o animal, ela deve usar capacete, ela deve descer em toda passagem delicada (rodovia, vau, buraco no chão, encosta íngreme e escorregadia…) e ela não deve nunca estar sozinha sobre o animal, mesmo parado.

 

6) Durante um intervalo, prenda seu animal à um suporte sólido e monitore para que ele não se entrave, nem se role pelo chão com suas bagagens. Descarregue seu animal de seus sacos, mas deixe o cargueiro. Não se esqueça de verificar o cargueiro, tapete, ’oubliez pas de vérifier bât, tapis, correias, e a repartição de pesos dos sacos antes de partir.

 

7) Cuidado com coices de patas e com a cauda de animais que perseguem insetos.

 

8) Cuidado quando você cruzar com outro animal; não o deixe farejar e aproximar do seu animal.

 

É BOM SABER

 

Evite caprichos na partida, mostre ao seu animal com suavidade e firmeza que você conhece as regras e que é você que o conduz e não o inverso…

 

Para avançar diga «YEP !», para parar seu animal diga «O LA!»

 

Se você deixar seu animal comer tudo ao longo do caminho, ele abaixará constantemente a cabeça e você não poderá mais orientá-lo.

Se seu animal parar, verifique que nada está errado (cargueiro, tapete, falta um compagnon, qualquer outra coisa que interpele o animal, ele quer fazer suas necessidades…) e pedir que ele parta novamente «YEP!»

 

Respeite seu animal e ele te respeitará.

 

image_pdfimage_print